Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Ações de prevenção à Covid-19 priorizam segurança durante Expointer, que tem atividades virtuais e drive-thru para produtos da agricultura familiar - Rádio São José do Patrocínio

Fale conosco via Whatsapp: +55 51 996015863

No comando: Quarta-feira será de sol e calor na maior parte do RS

Das às

No comando: Madrugada São José

Das 00:00 às 06:00

No comando: Bombeando a cara do dia

Das 06:00 às 07:50

No comando: Festival da Trinca

Das 07:00 às 12:30

No comando: Correspondente Rede Guaíba Sat

Das 07:50 às 08:00

No comando: Show da Manhã

Das 08:00 às 12:00

No comando: Balcão de Negócios

Das 12:00 às 12:30

No comando: Momento Nativo

Das 12:30 às 13:00

No comando: ARCO DA VELHA

Das 13:00 às 14:00

No comando: Clube do Ouvinte

Das 14:00 às 17:00

No comando: Minha terra é assim

Das 17:00 às 19:00

Ações de prevenção à Covid-19 priorizam segurança durante Expointer, que tem atividades virtuais e drive-thru para produtos da agricultura familiar

A Seapdr (Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural), a Secretaria Municipal de Saúde de Esteio e demais entidades elaboraram um protocolo de restrições necessárias contra a Covid-19, para a segurança sanitária de quem frequentar a Expointer 2020. Ela ocorrerá de 26 de setembro a 4 de outubro no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, em um formato híbrido, com atividades presenciais e transmissões ao vivo por quatro canais, além de drive-thru para os produtos da agricultura familiar.

A primeira e mais importante medida do Protocolo de Orientação para Ingresso e Circulação foi a testagem rápida de detecção de Covid-19 de todos que forem residir no Parque durante o evento, como ginetes, cavaleiros, tratadores e cuidadores dos animais, além de servidores que forem trabalhar no evento. A secretária municipal de Saúde de Esteio, Ana Boll, estima que sejam realizados mais de mil testes rápidos. “Os que testarem positivo serão afastados”, garante.

Segundo Ana, para todas as pessoas que frequentarem o Parque, serão seguidos todos os protocolos do Ministério da Saúde, como medição de temperatura, distanciamento físico, uso de máscara de proteção facial e álcool gel. “Nos alojamentos, é importante cuidar para que não haja acúmulo de gente. E nos quatro portões de ingresso, a equipe de saúde vai testar a temperatura de quem entra, além de aplicar um questionário para saber se as pessoas estão com síndrome gripal”, explica.

O secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho, afirma que, desde que foi confirmada a realização da Expointer Digital, a preocupação foi com a segurança dos participantes. “Avaliamos junto às secretarias da Saúde do Estado e de Esteio para que os protocolos de segurança sejam rigorosos, e a fiscalização nas entradas do parque seja efetiva”.

Conforme o subsecretário do Parque Estadual de Exposições Assis Brasil, José Arthur Martins, a maioria das atividades ocorrerá em espaços abertos. “A não ser as lives de músicos, que acontecerão em local fechado, mas com toda a segurança dos protocolos, e alguns eventos como seminários e palestras virtuais, que serão realizados em salas ou auditórios já adaptados aos protocolos de segurança sanitária”.

De acordo com Martins, nos locais de julgamentos e provas, haverá demarcação dos espaços disponíveis para ocupação, respeitando o distanciamento de um metro e meio entre cada pessoa.

Agricultura familiar em formato drive-thru

A feira no Pavilhão da Agricultura Familiar está aberta no formato drive-thru, com os consumidores dentro do carro fazendo suas compras atendidos pelos agricultores familiares. A Feira da Agricultura Familiar é uma parceria da Seapdr com a Fetag-RS (Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul).

São 55 empreendimentos, divididos em 52 estandes, que vão atender os visitantes com produtos como salames, queijos, panificados, cachaças, sucos, vinhos, mel e artesanato, produzidos em diversas regiões do Estado.

O acesso ao Parque de Exposições Assis Brasil se dá pelo portão 1, exclusivamente para veículos, e é gratuito. Após a entrada, os visitantes seguem até o Pavilhão da Agricultura Familiar, onde os produtores atendem os visitantes sem que estes desçam dos veículos, o que é proibido.

Para o presidente da Fetag-RS, Carlos Joel da Silva, havia a necessidade de ser feita uma ação para trazer alento a agroindústrias familiares. “O formato de drive-thru foi o que entendemos ser o mais adequado para o momento em virtude da pandemia. Esperamos ter um grande evento”, acrescenta.

Os estandes são separados de forma com que duas agroindústrias fiquem lado a lado, permitindo com que os veículos estacionem em frente e sejam atendidos pelo expositor. Após o atendimento, o veículo pode se dirigir até o próximo estande, podendo aguardar a liberação de vaga. O fluxo de veículos no pavilhão é controlado para evitar superlotação no local.

Outra possibilidade para comprar da agricultura familiar, caso o consumidor não possa ir ao parque, é acessar alguns dos produtos disponíveis na plataforma do evento e combinar formas de pagamento e retirada com o próprio fabricante.

“É uma novidade positiva, estamos precisando nos reinventar neste novo cenário. Estamos tomando todos os cuidados. Fechamos um protocolo com as regras de distanciamento, o uso de máscaras, luvas e testes de Covid-19 para os feirantes, tudo para garantir a segurança de todos e minimizar os riscos”, afirma o subsecretário do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, José Arthur Martins.

Fonte: Foto: Divulgação/Secom, Redação O Sul 

Deixe seu comentário: