Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Nova remessa com vacinas contra o coronavírus da AstraZeneca chega ao Rio Grande do Sul - Rádio São José do Patrocínio

Fale conosco via Whatsapp: +55 51 996015863

No comando: Quarta-feira será de sol e calor na maior parte do RS

Das às

No comando: Madrugada São José

Das 00:00 às 06:00

No comando: Bombeando a cara do dia

Das 06:00 às 07:50

No comando: Festival da Trinca

Das 07:00 às 12:30

No comando: Correspondente Rede Guaíba Sat

Das 07:50 às 08:00

No comando: Show da Manhã

Das 08:00 às 12:00

No comando: Balcão de Negócios

Das 12:00 às 12:30

No comando: Momento Nativo

Das 12:30 às 13:00

No comando: Clube da Saudade

Das 13:00 às 14:00

No comando: Clube do Ouvinte

Das 14:00 às 17:00

No comando: Minha terra é assim

Das 17:00 às 19:00

Nova remessa com vacinas contra o coronavírus da AstraZeneca chega ao Rio Grande do Sul

O Rio Grande do Sul recebeu, na manhã desta segunda-feira (03), mais 413.750 doses da vacina AstraZeneca/Fiocruz para avançar na vacinação das pessoas com comorbidades no Estado. As 32.760 da Pfizer/Biontech, previstas para chegarem no mesmo avião, que pousou antes das 9h, só chegarão em voo com aterrissagem prevista para as 19h45min.

No início da manhã de sábado (1°), chegaram a Porto Alegre 22.800 doses da Coronavac/Butantan, que devem ser distribuídas com as 7.200 doses do mesmo fabricante enviadas durante a semana passada. Essas doses serão utilizadas para a segunda aplicação (D2) de quem já recebeu a primeira há 28 dias ou mais.

A definição sobre a distribuição das vacinas às CRS (coordenadorias regionais de saúde) será feita em reunião entre a SES (Secretaria da Saúde) e o Cosems (Conselho das Secretarias Municipais de Saúde), iniciada às 10h30min desta segunda-feira.

“Com as novas doses da AstraZeneca, vamos conseguir avançar bastante nas comorbidades, chegando até a fase 2 desse grupo e vacinando mais da metade do público total estimado, que é de pouco mais de 1 milhão de pessoas no RS. Nossa expectativa é vacinar todas as comorbidades ainda em maio”, afirma a secretária da Saúde, Arita Bergmann.

Na fase 2 das comorbidades, será aberta a vacinação para pessoas com deficiência permanente cadastradas no BPC (Benefício de Prestação Continuada) e gestantes e puérperas independentemente de condições pré-existentes e divididas por idade, assim como ocorre no grupo dos idosos.

Fonte: Jornal O Sul

Deixe seu comentário: